quinta-feira, 9 de maio de 2013

Chega de mimimi!



É isso mesmo, Noêmia! Chega de mimimi e vamos levantar esta autoestima! Seja corajosa e mostre de que é feita! É só mais uma chatice para se assomar a muitas outras que já apareceram e foram superadas! Levanta a cabeça e vai! Então, ponto final. Parágrafo!

Com esta bela "ensaboada" (essa é velha!) que me dei, caros leitores, pedimos desculpa pela pausa e continuamos com nossa programação normal.

O marido disse que estava com vontade de comer pavê de pêssegos, um que sempre faço por aqui, mais uma receita antiga, anos 70/80, que adoro ter na minha cozinha!





Pavê de Pêssegos
(a lata de medida é a de leite condensado 398g)


Biscoitos champanhe/palitos de la reine
1 lata grande de pêssegos em calda
2 col. (sopa) de rum
1 lata de leite condensado cozido
1 lata de leite integral/meio gordo
2 caixas de creme de leite/natas (400g)
4 col. (sopa) de amido de milho
200g de creme de leite fresco/natas p/ batido como chantilly não muito firme, juntamente com 2 col. (sopa) de açúcar
Amendoim torrado e moído para polvilhar

Primeiro, corte o pêssego em cubinhos e reserve.
Junte o rum à calda dos pêssegos e reserve.

Creme:

No liquidificador, bata o leite condensado cozido, o creme de leite/nats e metade do leite.
Coloque esta mistura em uma panela.
Dissolva o amido de milho na metade de leite que sobrou.
Junte à mistura da panela.
Leve esta mistura ao fogo brando até formar um creme liso.
Reserve o creme, irá usá-lo em seguida. Porém, se fizer o creme com muita antecedência, cubra com filme plástico em contato com o creme, para não formar uma camada firme por cima.

Montagem:

Forre o fundo de uma travessa com os biscoitos umedecidos na calda de pêssegos com rum.
Sobre eles, coloque metade do creme e, sobre este metade do pêssego picado.
Repita as camadas.
Cubra com o chantilly (o meu passou um pouquinho do ponto, queria mais suave) e polvilhe com o amendoim torrado e moído.
Leve ao frigorífico por, no mínimo, duas horas.


32 comentários:

  1. Oh q lindo eu qd era nova fazia um parecido, este é melhor. Já vai pr a minha lista.
    Q saudades é fresco pr esta altura d calor.
    Parabéns, bj gd
    Silvia Castro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Sílvia!
      É mesmo uma receita que nos devolve à infância!
      Beijos,
      :o)

      Eliminar
  2. Tiene un aspecto impresionante!!! Seguro que es un placer para el paladar. Me ha parecido un postre magnífico.

    Un besito,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Suny!
      Beijos e seja sempre bem-vinda!
      :o)

      Eliminar
  3. Amei esta receita, delicioso.
    Kiss, Susana
    Nota: Ver o passatempo a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/p/passatempos.html

    ResponderEliminar
  4. Que delicia de sobremesa!
    Tenho um desafio a decorrer no meu cantinho. Participa!
    Deixo o link: http://receitasseducao.blogspot.pt/2013/05/arroz-de-acafrao-e-ervilhas-com-peixe.html

    Beijinhos;

    Aurea Sá

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Aurea!

      Obrigada pela visita!
      Esou muito atrasada com as respostas aos comentários, por isso não sei se já perdi o prazo de seu passatempo. Porém, passarei por lá, sim!
      Beijos,
      :o)

      Eliminar
  5. Além de linda deve ser uma delicia
    Fiquei com agua na boca
    bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, São!
      É bem fresquinha e não é muito doce. O marido adora!!!
      Beijos,
      :o)

      Eliminar
  6. Que pavê delicioso :D Que maravilha, apetece mesmo provar :D

    Beijinhos e tem um bom resto de dia! :D

    ResponderEliminar
  7. Que pavê maravilhoso Nô. Adoro pavês de pessêgos, minha mãe fazia sempre nas festinhas qdo éramos crianças. Ficou magnifico, adorei. E chega de mimimi mesmo! Como dizia meu pai: "Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima" hehe. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Josy, querida! É mesmo uma marca da nossa infância, né?!
      Pode deixar, amiga, já me sacudi e agora é bola pra frente!
      Beijocas,
      :o)

      Eliminar
  8. Bem!! Que delicia! Se os olhos ta bem comem, ja devorei o pavê inteiro! Que delicia...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Sònia!
      Os olhos comem, sim!!! Pelo menos os meus, hahaha!!!
      Beijos,
      :o)

      Eliminar
  9. Olá!
    Vim retribuir a visita! E chego aqui e vejo esta delícia ... ai até fiquei a salivar.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Paula!
      Também vi umas coisinhas muito apetitosas no seu blog!
      Seja sempre bem-vinda!
      Beijos,
      :o)

      Eliminar
  10. Oi, Nô!
    Todo mundo tem seus altos e baixos...
    Aqui em casa sempre nos preocupamos com o teor de açúcar de tudo, mas sei que somos minoria. Apesar disso, esse pavê deve ter ficado delicioso.
    Bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Gina!
      Pois, ultimamente mais baixos que altos, mas é preciso levantar a cabeça e continuar!
      Aqui em casa eu que me preocupo mais com os hidratos de carbono, se não quiser ter mais crises de hipoglicemia, mas o marido é um touro!
      A maioria das receitas são para ele ou para os amigos.
      Beijocas,
      :o)

      Eliminar
  11. Gosta o marido e gosto eu...hehehehe.. que maravilha.. :)
    bem vinda de volta
    beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Nô, mais uma vez PARABÉNS!!! Suas receitas são perfeitas!
    Um grande beijo da sua eterna fã!
    Márcia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Marcia!
      Fico emocionada com o carinho de vocês!
      Muito obrigada pela visita e seja sempre bem-vinda!
      Beijos,
      :o)

      Eliminar

Olá. pessoal!
Deixe aqui a sua opinião. Todos os comentários são lidos e seus blogs são visitados.
As suas dúvidas são respondidas aqui ou por e-mail.
Falem, porque eu adoro conhecer suas opiniões!