terça-feira, 31 de agosto de 2010

Sequilhos de Fubá


Esta receita que eu coloco aqui hoje foi inspirada por um post da nossa amiga Marly, do ótimo blog Saboreando a Vida! No post ela dizia que queria fazer Sequilhos de Fubá, mas não tinha tempo de procurar a receita entre seus muitos cadernos. Bem, eu procurei aqui entre os meus e encontrei essa receita que já é minha conhecida há muito tempo!
Essa receita de Sequilhos de Fubá é feita, originalmente, com araruta. Como encontrar araruta está cada dia mais difícil, ao longo do tempo fui substituindo a araruta por maisena, polvilho doce. Gosto mais quando feito com maisena, mas em casa eu tinha polvilho quase chegando ao fim da validade, por isso foi o que usei. Como disse para a Marly, no meu comentário ao seu post, evito de fazer biscoitos, sequilhos, cookies e bolachas aqui em casa, porque enquanto eu não vejo o fundo do pote eu não sossego!


"Sequilhos de Fubá"

150g de fubá/farinha de milho
120g de açúcar
120g de manteiga sem sal, gelada cortada em cubinhos
200g de araruta ou fécula de mandioca (polvilho doce) ou maizena
1 a 3 ovos*
sementes de erva-doce (se preferir)

Modo de fazer tradicional:
Junte o fubá, a manteiga e o açúcar, misture com um garfo até formar uma farofa. Junte o ovo e as sementes de erva-doce se desejar e vá amassando, enquanto coloca-se a araruta (ou outra farinha) aos poucos, até dar ponto de enrolar. Se ficar muito seco, juntar mais ovo.

No processador/robot de cozinha:
Junte o fubá, a araruta e o açucar e pulse até misturar. Junte a manteiga e pulse até formar uma farofa. Junte 1 ovo e misture. Junte as sementes de erva-doce, se preferir. Acrescente mais ovos se for necessário para dar ponto de enrolar.

Pré-aqueça o forno em 180º. Faça bolinhas com a massa e coloque em uma assadeira forrada com papel manteiga/vegetal. Achate as bolinhas com um garfo e leve ao forno até corarem, 20/25 minutos.

*A quantidade de ovos vai depender do tamanho deles.

Com sementes de erva-doce.

Sem sementes de erva-doce.


Araruta: A araruta é uma planta arbustiva que pode chegar a altura de 1,2 metro. Da família das marantáceas, seu nome científico é Maranta arundinacea e popularmente é chamada também de agutingue-pé, araruta-caixulta, araruta comum, araruta-palmeira e embiri. Suas folhas têm forma de lanças, peludas na parte inferior. As flores são brancas e pequenas. Nascem solitárias ou em panículas terminais -- cachos na ponta dos ramos -- e o fruto contém sementes rugosas, de cor vermelho-pálida. São duas as variedades nativas de maior importância encontradas no país: comum e creoula. A comum é a que produz fécula de melhor qualidade. Seus rizomas são claros, em forma de fuso, cobertos por escamas e atingem até 30 centímetros dependendo da qualidade do solo, embora o tamanho normal varie de 10 a 25 centímetros. A creoula produz rizomas na superfície da terra, em touceiras, que precisam sere lavados várias vezes para perder a camada escura. Caso contrário, produzem uma fécula negra e de baixa qualidade. (Saiba mais aqui.)

19 comentários:

  1. Estes sequinhos, ficaram super gostosos.

    Bjinhos
    Papinha Doce

    ResponderEliminar
  2. Ficaram perfeitos seus biscoitinhos!!!

    Eu também sofro desse mal...como o pote inteiro, é um horror!!! Rsss

    Delícia!

    ResponderEliminar
  3. LIndos ... pode me mandar 1 dz por favor rsrsrsrsrs


    abraço
    Dani

    ResponderEliminar
  4. FICARAM SUPER LINDOS OS DOS CORAÇOES DERRETERAM O MEU CORAÇÃO ADOREI BJS

    ResponderEliminar
  5. Nohzinha!
    Tava cum sardade...=]
    Que bom q Marly te inspirou... e vc ainda fez o de fubá que gosto purdimais, lembra roça e cafezin na hora...=)
    Ficaram lindos...esse de coração ficou muito charmoso...
    Um bejim bem grande procê, viu?!

    ResponderEliminar
  6. Nô, andei viajando uns dias, mas vim correndo quando vi esses biscoitinhos. Não resisto a um biscoito e meu blog começou motivado principalmente por eles.
    Seus biscoitinhos ficaram uma graça! Claro que vou ter que fazer esses, pois essa mistura de ingredientes ainda não usei.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  7. Que lindinhos! Os de coração ficaram uma graça!
    Beijos

    ResponderEliminar
  8. Que delícia... Deve ficar bom também com côco.
    Abraços, Daniana
    http://cozinhasemdrama.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  9. Devem ficar uma delicia! Gostei muito da informacao sobre a araruta. :)

    ResponderEliminar
  10. Vixe, a cara deles é suculenta!! Quero fazer....ou melhor, manda uns já prontos para mim? heheheh

    Concordo com a DAniana, com coco eles devem ficar uma delícia também!!! Já está anotada a receita para eu tentar em casa e te contar depois.

    Ah, achei seu blog pelo copegourmet.blogspot.com e adorei.

    Se quiser passa lá no meu espaço também para dar uma olhada: http://tudojuntoemisturado-lala.blogspot.com

    um abraço,
    Alaís

    ResponderEliminar
  11. Ah, tomei a liberdade de te seguir também!

    ResponderEliminar
  12. Nô, querida!

    No que li o título do seu post, lá no meu blog roll, já fui rindo porque me ocorreu que você teria encontrado a receita que eu procurava, rsrs. Quando chego aqui: SURPRISE! quase chorei, rsrs.
    Ah, Nô ficaram incrivelmente delicados, os seus sequilhinhos! E é claro que irei fazê-los em breve! Por cá eu não tenho problemas em fazer biscoitos, porque eu tenho quatro pequenos sobrinhos que os consomem com prazer, rsrs.
    Muitíssimo obrigada pelo carinho e me desculpe por não ter vindo aqui mais cedo, pois tive um dia cheio!

    Um beijo com carinho!

    ResponderEliminar
  13. hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm adoro sequilhos muitooooooooooooooooo

    ResponderEliminar
  14. parece mto bom, vou tentar!

    to te seguindo

    http://cupcakeofchocolate.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  15. Óunnn esses de corações ficaram lindos de viver.
    E devem ser deliciosos.
    Beijos

    ResponderEliminar
  16. Ficaram perfeitos e muito apetitosos, mais uma receita para guardar.
    bjs

    ResponderEliminar
  17. São mesmo, Maria José!

    Obrigada, Rachana!

    Pois, Renata! O efeito colateral não é nada bom! A balança que o diga!

    Daniel, eu até podia... se ainda houvesse algum!

    Os corações também me surpreenderam! Também gostei!

    Vinni, tem cara de Minas, né?!

    Gina, essa receita é muito antiga, mas sempre agrada!

    Dani, eu também adoreis os corações!

    Daniana, eu tenho uma outra receita de uns sequilhos de coco. Vou fazê-las qualquer dia e posto aqui!

    Pois, Silvia! pouca gente ainda se lembra da araruta e muitos não conhecem. Cada dia fica mais difícil de encontrar!

    Olá, Lala! Obrigada pela visita! Já, já passo pelo seu espaço!

    Marly, querida! Você é sempre uma fonte de inspiração para mim! Adoro seu blog e seus petiscos! E adoro a senhora também!!! Um beijão!

    Obrigada, Angela!

    Soninha! Eu também amo!!!

    Olá, Lai! Obrigada pela visita e logo passo pelo teu espaço!

    Fla, até eu me apaixonei por eles!

    Tia Adelaide, experimente que tenho certeza que gostará!

    Queridos e queridas! Muito obrigada por suas visitas!
    Às novas amigas e aos já da casa: sejam sempre bem-vindos!
    Beijos!
    :o)

    ResponderEliminar

Olá. pessoal!
Deixe aqui a sua opinião. Todos os comentários são lidos e seus blogs são visitados.
As suas dúvidas são respondidas aqui ou por e-mail.
Falem, porque eu adoro conhecer suas opiniões!