sábado, 31 de Outubro de 2009

Eu, na casa dos amigos! Outra vez!!!


Pois é, meus amigos!
Este sábado eu estou andando pelas casas dos amigos!
Nesses últimos tempos conheci uma pessoa muito legal! É o Pedro Bello, do blog "Rate My Plate Project". O blog é muito interessante, pois abre espaço para que nós, qualquer um de nós, publique as fotos das nossas receitas, dos nossos pratos, das nossas criações. E, todos os visitantes podem votar nos pratos, nas categorias: dispensável, interessante e apetitoso. Ah, e você também pode deixar comentários para os autores das fotos e para o pessoal do blog!
Pois bem! Tenho enviado algumas fotos dos meus pratos para o Pedro, que as tem publicado. Eu estou gostando muito da experiência, pois me incentiva a caprichar cada vez mais nas fotos e na criação dos pratos!

Mas, o melhor de tudo aconteceu na semana passada! O Pedro me convidou para participar da "Dica Gourmet" do mês de Novembro, enviando uma receita para ele publicar no blog. Adorei! Aceitei na hora e lhe mandei uma receita que está na minha família há anos. O Pedro gostou muito da receita e a publicou hoje!
Estou muito feliz e honrada com o convite!


Viram só? Tem até a minha assinatura!!!

Obrigada Pedro! Continue com o projeto, pois é um excelente incentivo!
E, vocês, meus amigos! Vamos mandar as fotos dos pratos lá para o "Rate My Plate Project"!!!

Eu, na casa dos amigos!


Há algum tempo atrás, recebi um convite do Raul Carneiro, do blog "Entre Receitas", para lhe enviar uma receita típicamente portuguêsa, para ele postar em seu blog. Aceitei de imediato! Mas, como os dias foram ficando 'apertadinhos' de tempo, só esta semana pude lhe enviar o material. Aproveitei a receita do "Bacalhau com Broa", que é um grande sucesso entre os portuguêses, e pouco conhecida no Brasil.
Hoje o Raul fez a postagem. Quero agradecê-lo pelo carinhoso convite, pela honra de estar em seu espaço e recomendar que passem por lá, para conhecer as boas receitas e outras dicas maravilhosas! Pois, como diz o Raul, na introdução do seu blog:
Entre uma receita e outra, aqui você encontrará um pouco de cada coisa.

Obrigada, Raul!

sexta-feira, 30 de Outubro de 2009

Ravioli Quatro Queijos com Camarão Picante


Uma das minhas próximas aventuras, será a tentativa de preparar a 'pasta' em casa. Tenho muita curiosidade, e acredito que a 'pasta' caseira é muito mais interessante. Mas, ainda, não tenho o cilindro. E, se vou me meter a fazer, tem de ser direito!
Como ainda não chegamos lá, comprei estes ravioli no Jumbo, são mesmo da Auchan, e devo dizer que me surpreenderam! São muito bons! E vou repetir, com outros molhos!
Mas, o da receita de hoje é:


"Ravioli Quatro Queijos com Camarão Picante"

1 embalagem de ravioli (250g)
250g de miolo de camarão
1 tablete de caldo de marisco (camarão)
4 bagas de cardamomo, amassadas
3 tomates, sem pele e sementes, em cubos
1 cebola picada
3 dentes de alho em lâminas
cebolinho picado
1/2 col. (chá) de cravo em pó
azeite
1 col. (sopa) de manteiga
pimenta preta
sal, se necessário

Cozinhe os ravioli como nas instruções da embalagem. Reserve.
Em uma frigideira, coloque o camarão, o tablete de caldo e as bagas de cardamomo. Deixe cozinhar. Retire o líquido que se juntou e reserve. Reserve os camarões também.
Noutra panela, coloque azeite e refogue a cebola e o alho. Junte o camarão, o cravo em pó e os tomates. Mexa e deixe refogar por uns minutos. Coloque o líquido reservado e verifique o sal. Coloque pimenta, se desejar. Coloque a manteiga e mexa, para engrossar o molho.
Coloque o molho sobre os ravioli e sirva. Polvilhe queijo ralado, se preferir.


quarta-feira, 28 de Outubro de 2009

Gratinado de Couve-Flor


Esta é uma boa receita para aqueles momentos em que queremos comer uma comidinha quentinha, mas que seja leve. E, para dar fim àqueles legumes que estão lá no fundo do frigorífico, e precisam ser usados o mais depressa possível!


"Gratinado de Couve-Flor"

couve-flor, em pedaços, cozida
abóbora, picada, cozida
cebola em tiras
alho em lâminas
chouriço
azeite
sal
pimenta
orégano
1 embalagem (200g) de 'natas de soja', ou natas mesmo
queijo

Em um refratário, coloque a couve-flor e a abóbora. Reserve.

Numa frigideira, coloque um fio de azeite e o chouriço picado. Deixe fritar. Junte a cebola e o alho e frite até murcharem. Deite esta fritura sobre a couve-flor e a abóbora no refratário. Coloque o orégano, a pimenta e veja se é necessário corrigir o sal. Misture bem. Deite as 'natas de soja' sobre a mistura. Polvilhe com o queijo. Leve ao forno em 250º, por 10 minutos.


Eu acompanhei com (mais) queijo e salame picante.

terça-feira, 27 de Outubro de 2009

Bacalhau com Broa


Esta receita já está na programação há meses! Mas sempre aparece uma outra que passo à frente, coitado do bacalhau!!! Mas ontem não teve jeito! Aproveitei a presença de um amigo para o jantar como 'desculpa' para preparar o Bacalhau com Broa, pois sei que ele adora!


"Bacalhau com Broa"

lombos de bacalhau, um para cada pessoa, eu usei 6, cozidos, sem pele nem espinhas, dividido em lascas
1 e 1/2 cebolas grandes, em tiras
10 dentes de alho + 3 , em lâminas
salsa
sal
pimenta
1/4 de broa de milho, sem casca, esfarelada
1/4 xíc. (chá) + 1/4 de xíc. (chá) de azeite extra virgem
1/4 xíc. (chá) de vinho verde

Em uma frigideira, coloque 1/4 xíc. de azeite virgem, a cebola em tiras e os 10 dentes de alho. Frite até que a cebola fique transparente. Coloque sal, pimenta e salsa. Mexa bem e reserve.

Na frigideira onde fritou a cebola, coloque 1/4 de azeite e os 3 dentes de alho e frite. Quando estiver exalando o arona de alho frito, junte o vinho verde, sal, pimenta. Deixe ferver. Baixe o fogo e deixe reduzir um pouco. Desligue e espere esfriar um pouco.

Numa tigela coloque a broa esfarelada e deite esta mistura de azeite e vinho sobre ela, misturando bem. Reserve.


Em um refratário, faça uma camada de lascas de bacalhau. Sobre esta, coloque a cebola que estava reservada, com metade do azeite, formando outra camada. Sobre esta, coloque a mistura de broa e aperte levemente, compactando.

Leve ao forno quente, por 15 minutos para corar a broa.


Para acompanhar, fiz Batatas a Murro. A receita eu tirei daqui.

Ingredientes:
Batatas novas, pequenas
Sal grosso

1.Lave muito bem as batatas.
2.Num tabuleiro, de ir ao forno, disponha de uma generosa camada de sal grosso. Coloque as batatas, com casca, por cima da camada de sal. Adicione mais uma generosa camada de sal sobre as batatas.
3.Leve ao forno aproximadamente 50 a 60 minutos. Espete com um garfo a ver se tão assadas.
4.No fim de assadas, sacuda o excesso de sal e dê um murro na batata, a fim de ela se abrir.

Tirei todo o excesso de sal e reguei com azeite.


Vou aproveitar este post para agradecer à Danielli C., do blog "Nossa Cozinha", pelo selo com que me presenteou.

O selinho é dedicado para todas as coisas apaixonantes da nossa vida. Por isso, responda às perguntas sobre o que causa esse sentimento em você:

O que te apaixona quando o assunto é:
1 - Internet - a oportunidade de aprender, ver e descobrir coisas que não poderia sem ela.
2 - Pessoas - a simplicidade e autenticidade delas.
3 - Vestuário - quando encontro a roupa que quero na minha numeração, huahuahua!
4 - Cosméticos - praticamente não uso, gosto dos básicos.
5 - Comida - fazê-la!
6 - Hobbies - Me apaixona a leitura e fotografia.

Postar o selinho no blog e indicá-lo para 10 pessoas


Como é costume por aqui, deixo-o à disposição de todos que passam por aqui!

domingo, 25 de Outubro de 2009

Bolo de Mandioca e Queijo


Quando eu e o meu marido estávamos no Brasil, ele foi em viagem de trabalho ao Rio Branco, no Acre. Voltou de lá maravilhado com a Amazônia, sendo ele europeu, ainda ficou mais entusiasmado! Até hoje fala dos passeios que fez, das paisagens, das pessoas, dos pratos que provou. Um desses pratos foi um Bolo de Mandioca que, vira e mexe, ele fala que foi uma das coisas que ele mais gostou!


A semana passada ele voltou a falar no tal bolo. Fui eu à procura de uma receita para satisfazer a vontade. Vi várias receitas, com coco, com queijo, só mandioca... como não provei o bolo não sabia por que caminho ir. Até que encontrei uma receita no blog da nossa querida Cherry Blossom, o Cozinha é Poesia. Mostrei as fotos do bolo para o meu marido, e quando vi os olhinhos dele a brilhar, sabia que tinha de ser esta receita:




Ingredientes

3 ovos
2 xícaras (chá) de açúcar – querendo menos doce use um pouquinho menos
3 colheres (sopa) de manteiga – por favor prefira a manteiga aqui, pode ser com sal
1/2 xícara (chá) de queijo meia cura ralado – pode-se usar o parmesão sim!
1/2 xícara (chá) de leite
3 xícaras (chá) de mandioca ralada na parte fina do ralador - aperte bem na xícara para medir
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de fazer

Coloque a mandioca sobre um pano fino e esprema muito bem, até ficar bem seca como se fosse coco ralado.
Será muito mais fácil e o resultado muito melhor se esse processo for feito aos poucos. (você poderá observar melhor a maneira de espremê-la aqui). Depois de bem espremida, esfarele-a com um garfo e reserve.
Na tigela da batedeira bata a manteiga com as gemas e o açúcar até ficar uma mistura leve e esbranquiçada. Se estiver difícil de bater, adicione 1 ou 2 colheres do leite (foi o que fiz).
Junte a mandioca reservada, o leite e o queijo ralado, Bata somente para misturar. Adicione por fim o fermento e as claras batidas em neve com suavidade.
Passe a massa para uma forma (essa tem aprox. 20 cm de diâmetro) muito bem untada com manteiga ou margarina e enfarinhada.
E leve ao forno preaquecido na temperatura média, em torno dos 180º. E asse até dourar bem, cerca de 40 minutos. Teste inserindo um palito que deverá sair seco.
Desenforme somente depois de totalmente frio.

Observações dessa cozinha:

__ Eu usei uma forma de anel, mas meu hábito para esse bolo é usar uma assadeira retangular, por que às vezes ele é um pouco difícil de desenformar. Porém você poderá ainda usar uma assadeira redonda de fundo removível, poderá desenformar com maior facilidade.

__ Use medidas padrão, xícaras de 240 ml

__ A mandioca deve ficar bem sequinha, como se fosse coco fresco ralado."


No início, tive receio de não ficar igual, pois a qualidade da mandioca que temos, aqui em Portugal, é diferente da mandioca do Brasil. Mas ficou ótimo! Zé Augusto aprovou e disse que era igual ao que ele provou no Acre!

Vai uma fatia??!!

sexta-feira, 23 de Outubro de 2009

Kreativ Blogger Award

Gente! Como estou me sentindo chique!
Huahuahua! Brincadeira! Mas estou muito feliz! Hoje recebi um comentário da Regina Bui, do blog "Um Divã na Cozinha", onde ela diz "indiquei teu blog para receber o Kreativ Blogger Award. Dê um pulo no meu blog."




Mas o quê é o Kreativ Blogger Award?

É um reconhecimento da blogosfera ao trabalho uns dos outros. Para ter o selo no blog, há uma lista de 7 itens e duas tarefas a serem cumpridas. São elas:
1. agradecer a pessoa que te indicou;
2. copiar o logo e colocar no seu blog;
3. linkar a pessoa que te indicou para o prêmio;
4. listar 7 coisas sobre você (que possam achar interessante);
5. indicar outros 7 blogs para o Kreativ Bloggers;
6. postar links dos 7 blogs indicados;
7. deixar um comentário em cada blog para que saibam que você os indicou.

Bem, quero indicar alguns blogs que, na minha opinião, são feitos para enaltecer a paixão, que eu também sinto, pela culinária! E eles são:

Cozinha É Poesia, um dos primeiros blogs que segui, da nossa linda Cherry Blossom, com receitas impecáveis de sabores de saudade e vanguarda misturados no mesmo tacho! Sem falar nas fotos!!! Lindíssimas!;

Rate My Plate Project, do Pedro Bello, pois só alguém tão apaixonado por culinária para dedicar um blog à foto-culinária, deixando que coloquemos lá as fotos dos 'nossos filhos culinários';

Mangia Che Te Fa Bene, e eu 'mangiava' tudo o que a Verena posta! Gosto muito do blog dela e de como ela coloca as receitas;

Le Fouet Furieux, do mais novo 'amigo virtual' Pierre Corneille! O blog é delicioso, com trechos de obras e música junto com as maravilhosas receitas!;

The Cookie Shop, da magnífica Paula! A Paula tem o dom de fazer, na doceria e na pastelaria, tudo o que eu sonho fazer! Uma fonte de inspiração permanente! Fotos de embasbacar qualquer um! Produções absurdamente absurdas (se é que isso existe, rsrsrs!)!;

Saboreando A Vida, quer um nome melhor?! A linda Marly, quando deixa comentários aqui, é tão meiga! E no blog dela a gente confirma isso! Preparações lindas! Adoro visitar o blog!;

Tangerina Aderente, da Carlota. Um blog que nos faz viajar e nos sentir no campo, com os ingredientes fresquinhos, acabados de colher, em preparações inusitadas!;

Chocorango, uma combinação perfeita! A Talita mostra receitas deliciosas, bonitas! E ainda nos indica outros blogs interessantes e explica como congelar e descongelar e utensílios de cozinha. Serviço completo!;

Sei que foram 8 e não 7, mas estes blogs são indispensáveis!

Quanto a dizer 7 coisas sobre mim:

1- Amo a minha vida! Aprendi a dar valor ao que quase perdi!
2- Amo culinária! É a minha terapia!
3- Sou muito curiosa! Gosto de pesquisar e conhecer coisas novas!
4- Sou muito sincera, não gosto dizer o que não sinto.
5- Há coisas que me fazem falta, em Portugal: Catupiry, pizza paulistana, pão francês quentinho com requeijão, um miojo bem feito, e outras mais!
6- Gosto de estar sempre ocupada, por isso sou fanática por artesanato, costura e tudo que possa me manter ocupada!
7- Amo o meu maior incentivador: meu marido! Sem o apoio (e a paciência, rsrs) dele, nunca teria começado mais essa aventura!

Obrigada à Regina Bui e à todos que passam por aqui!

Também quero agradecer à Tamyres Ferreira, do blog Tamyres Ferreira, pelos lindos selinhos com que ela me presenteou.

quinta-feira, 22 de Outubro de 2009

Bolo de Bolacha do José Augusto


Uma das receitas mais populares em Portugal é o Bolo de Bolacha. Existem inúmeras variações de receitas e sabores, uma maravilha para se inventar! Este que vou postar aqui foi totalmente inventado pelo meu marido, com tudo que ele gosta!
Sou muito sincera em dizer que não é um bolo que me agrada. Leva demasiada manteiga para o meu gosto, mas cada um com seus gostos, certo?!


"Bolo de Bolacha do José Augusto"

4 gemas
200g de manteiga, sem sal, em temperatura ambiente
200g de açúcar de confeiteiro (em pó)
bolacha maria, o suficiente (+- 2 pacotes)
1 xíc. (cha) de café forte
1/2 lata de leite condensado
100g coco ralado
raspas de chocolate meio amargo

Bata as gemas, o açúcar e a manteiga até formar um creme. Junte o coco ralado e misture delicadamente. Reserve.
Junte o café ao leite condensado. Molhe as bolachas nesta mistura e vá arrumando no prato, formando uma camada.
Barre as bolachas com o creme reservado. Vá repetindo as camadas ( 5 ou 6 camadas de bolachas). A última camada deve ser de creme. Polvilhe com coco ralado e chocolate meio amargo em raspas.


quarta-feira, 21 de Outubro de 2009

Creme de Cenoura com Bacon


Finalmente!
Tempo fresquinho, céu cinzento, gosto tanto!!!
E, para dar ainda mais prazer, que tal uma sopinha? A que preparei hoje é uma das preferidas aqui de casa!


"Creme de Cenoura com Bacon"

6 cenouras grandes
2 batatas médias
1 cebola cortada em quatro
2 dentes de alho
azeite
1 litro de caldo de galinha caseiro (ou 1 litro de água com 2 tabletes de caldo de galinha)
1/2 col. (chá) de noz-moscada
200g de bacon picadinho
sal
200ml de creme de leite (natas) (usei de caixinha, mas fica divino com creme de leite fresco)

Em uma frigideira, frite o bacon até ele estar crocante. Retire o bacon e coloque-o em um prato, sobre papel absorvente. Reserve.
Descasque uma das cenouras e pique-a em cubos pequeninos. Coloque-a na frigideira onde fritou o bacon, acrescente sal e mexa bem, envolvendo a cenoura no fundinho que ficou na frigideira. Refogue por 10 a 15 minutos, até que ela coza, mas não fique muito mole. Reserve.

Numa panela, coloque azeite e refogue a cebola e o alho. Junte as batatas e as cenouras, descascadas e picadas. Refogue por alguns minutos e acrescente a noz-moscada e o caldo de galinha. Deixe cozer até ficar bem macio. desligue o fogo, acrescente o creme de leite e use um mixer (varinha mágica) para reduzir em creme. Se não tiver mixer, use o liquidificador.


Sirva o creme em pratos ou tigelinhas, colocando por cima um pouco dos cubos de cenoura e do bacon reservados. Se preferir, pode também deitar os cubos de cenoura e o bacon para a panela e servir bem envolvidos no creme.


Esta receita foi feita especialmente para o meu marido, que adora creme de cenoura!

terça-feira, 20 de Outubro de 2009

Carne com Mostarda


Ufa! Que semana! Mas agora já está tudo no normal de sempre!
Quero agradecer às pessoas que deixaram comentários e enviaram e-mails dizendo que gostaram do novo visual do blog. Depois de anos, voltei a usar o photoshop e estou começando a reaprender. Isso tudo porque eu queria um visual mais pessoal. É bem 'iniciante', eu sei! Mas eu gostei!
Agora, vamos ao que interessa, no momento! Uma receitinha!


"Carne com Mostarda"

500g de carne de boi (a que você preferir)
200g de cogumelos
1/2 xíc (chá) de aceto balsâmico
1 cebola em tiras
3 dentes de alho em lâminas
salsa
pimenta preta
azeite
2 tabletes de caldo de carne (eu uso para bifes)
2 col. (sopa) generosas, de mostarda dijon

Leve a carne, o azeite e o aceto para a panela de pressão. Deixe refogar, em fogo alto, até a carne liberar seu líquido. Junte os tabletes de caldo e tampe a panela. Assim que tiver pressão (começar a assobiar) baixe o fogo e deixe por uns 20 a 25 minutos.
Depois deste tempo, se a carne estiver bem macia, junte a cebola, o alho, a salsa, a pimenta e refogue. Quando estiver tudo muito bem refogadinho, junte a mostarda. Verifique o sal. Sirva em seguida.


Para acompanhar a carne eu me inspirei em umas batatinhas que vi lá no blog da Tatiana, Panelaterapia. Fiz como ela postou, por isso vou colocar o modo dela fazer as batatinhas.

"Cozinho as batatas cortadas em 4 na água fervente com sal por 5 minutinhos. Escorro (elas ainda devem estar bem firmes). No melhor estilo Jamie Oliver pego uma assadeira antiaderente, faço uma "cama" com azeite extra-virgem, um mix de ervas secas (usei provence), manjericão fresco, sal gourmet (sal granuladinho), pimenta moída na hora (usei do reino e branca). Deito as batatas nesta mistura, dou uma mexida para envolvê-las bem e levo ao forno. De vez em quando dou uma viradinha para dourá-las por igual. Fica com uma casquinha crocante e bem macia por dentro! Lindas e perfumadas!"

Ficaram di-vi-nas!!!


As fotos não ficaram nada boas e não 'mostram' como o jantarzinho ficou bom, pois à noite a iluminação, aqui em casa, não é das melhores para fotos!


Mas, o que interessa mesmo é o prato! A foto é complemento!!!

sábado, 17 de Outubro de 2009

Pêras com Chocolate

Estes dias estava assistindo o programa Fresh da Anna Olson, pela enésima vez! Mas eu não me canso, pois cada vez que assisto foco minha atenção em algo diferente. Ela preparava a receita "Pear and Spiced Chocolate Tart" ou seja, uma tarte de chocolate com pêras e especiarias. Se tem uma combinação que eu adoro é a de pêras com chocolate! Parece que nasceram um para o outro! Quis preparar algo com esta maravilhosa combinação, mas não queria uma tarte. Queria algo mais parecido com um pavé. Então, adaptei partes da tarte da Anna Olson e preparei este pavé:


"Pêras com Chocolate"

Para as pêras:
(preparei as pêras exatamente como a Anna Olson fez para a tarte)

* 3 pêras, descascadas, cortadas ao meio e sem caroço

* 2 xícaras de açúcar (usei amarelo)

* 2 copos de água

* 1 colher de sopa de suco de limão

* 2 colheres de sopa de brandy (usei whisky)


Coloque as pêras, açúcar, água e suco de limão numa panela. Colocar um pedaço de papel manteiga (vegetal) sobre a superfície do líquido para manter as pêras sem flutuar. Depois de ferver, baixe o fogo e deixe cerca de 10 minutos. Retire do fogo. Depois das pêras esfriaram um pouco, (acrescentei o whisky) retirar o líquido (eu reservei), e deixar esfriar até que esteja pronto para servir. (cortei em pedaços para usar em camadas no pavé)



Para o chocolate:
(usei parte dos ingredientes e modo de fazer que a Anna Olson usou na tarte)

360g de chocolate meio amargo picado
360ml de creme de leite fresco
2 col. (chá) de canela em pó
1 col. (chá) de cravo em pó
1 col (chá) de cardamomo em pó
1 col. (chá) rasa de pimenta preta em pó

Acrescentei:

300ml de creme de leite fresco batido em ponto de chantilly
5g de gelatina em pó, incolor e sem sabor, dissolvida em água quente

Coloque o chocolate picado em uma tigela grande. Aqueça o creme de leite com as especiarias e despeje sobre o chocolate. Deixe descansar por um minuto e depois mexa, devagar, até incorporar bem. Deixe esfriar e acrescente o chantilly e a gelatina, mexendo suavemente, com uma espátula, de baixo para cima.


Montagem:

Biscoitos champagne (palitos de la reine), embebidos na calda onde cozeu as pêras.

Numa travessa, coloque uma camada do chocolate. Cubra com uma camada de biscoitos embebidos e sobre esta, uma camada das peras cortadas em pedaços. Repita a operação, sendo que a última camada é de chocolate. Leve ao frigorífico de um dia para o outro.


Gostei muito do resultado. Ficou uma 'mousse' de chocolate com um leve sabor das especiarias, a suavidade das pêras com os biscoitos embebidos na calda! Repetirei esta receita muitas vezes! O marido adorou!

Culinária & Receitas


Ontem recebi um e-mail com um convite da equipe do site Culinária & Receitas, e me informando que o blog foi indicado a fazer parte da área de blogs.
Claro que aceitei o convite, e o link já está na barra lateral!
Para quem quiser conhecer o site, é só acessar aqui.

sexta-feira, 16 de Outubro de 2009

Depois da festa, as sobras!


Se sobrou, vamos aproveitar! A minha cozinha é uma "cozinha a la Lavoisier ,às avessas", nela tudo se cria e o que sobra se transforma!!!

Primeira transformação: "Risotto de Frango e Chouriço"


Usando as sobras do frango de churrasqueira, do chouriço que usei num dos pães e o queijo ralado do gratinado do camarão.

"Risotto de Frango e Chouriço"

Sobras de frango de churrasqueira picado ou desfiado
Chouriço da Guarda picado
250g de arroz carnerolli
200ml de vinho do Porto
Azeite
1 cebola picada
2 dentes de alho picados
1 litro de água
2 tabletes de caldo de galinha
Salsa
Pimenta
1 col. (sopa) de manteiga
queijo ralado

Em uma leiteira, ferva a água com os tabletes de caldo de galinha e reserve, quente.
Numa panela, coloque o azeite e refogue a cebola e o alho. Junte o arroz e refogue. Junte o vinho do Porto e vá mexendo o arroz até o vinho reduzir. Vá colocando a água com o caldo, aos poucos, sempre deixando o líquido reduzir para acrescentar mais. Entre um agregado de caldo e outro, junte o frango, depois o chouriço, os temperos. Quando o arroz estiver cozido, porém 'al dente', e com líquido, desligue o fogo e junte a manteiga e o queijo ralado. Mexa vigorosamente e sirva imediatamente!

quinta-feira, 15 de Outubro de 2009

Aniversário do Marido: Pães!



























Para terminar com as comemorações de aniversário, vou postar a receita dos pães. A receita eu retirei daqui, mais uma receita da Ellen Casagrande, a mesma que criou a receita do Pão de Azeitona.
Como a receita é para muito pão, fiz apenas meia, e ainda dividi a massa ao meio para colocar dois sabores!

Vocês vão poder notar que esta receita é tão fácil de preparar como a do Pão de Azeitona!

"Pão Integral de Ellen Casagrande"

"INGREDIENTES:

MODO DE FAZER:

Na mesa, misturar todos os ingredientes secos, com exceção do sal. Acrescentar a água aos poucos, misturar as farinhas até que a massa produzida fique bastante elástica, em seguida, misturar o sal e deixar a massa dobrar de volume.

Cortar, (acrescentar os ingredientes para dar sabor) modelar e deixar novamente dobrar de volume. Com o forno pré-aquecido, a 250ºC, asse. Após cinco minutos, baixar a temperatura para 220°C."

Para o Pão de Chouriço com Azeitona Preta, eu acrescentei:

1/2 chouriço da Guarda
1 pires de azeitonas pretas, picadas
orégano


Para o Pão de Tomate Seco, Queijo e Manjericão, eu acrescentei:

100g de tomate seco, picado
5 a 6 folhas de manjericão, picadas
100g de queijo (usei a casquinha de um queijo de Azeitão que nós tínhamos aqui em casa)


Ficaram muito saborosos e foram um sucesso!

quarta-feira, 14 de Outubro de 2009

Aniversário do Marido: Lanche!


Bem, como o domingo foi recheado de coisas boas, mesa farta, amigos, passeios, não houve jantar! Preparamos um lanche reforçado, o que todos apreciaram muito!
Para este lanche, compramos camarões cozidos (gambas)! Sim, camarão de novo! E não houve reclamações, pelo contrário!!! Franguitos da churrasqueira, estes foram para quem não estava virado para os camarões, como por exemplo: EU! Tudo regado a vinho verde muito frio, cerveja ou refrigerante. Eu fui no vinho verde, que adoro!
Para acompanhar, e também como antepasto do almoço, tínhamos: azeitonas temperadas, queijos de vários tipos, manteigas temperadas ou apenas com sal, e pasta de atum. É esta receitinha que deixo para vocês, hoje!


"Pasta de Atum"

3 latas de atum, sem o óleo
300ml de maionese
2 col. (sopa) de creme de leite, sem soro
1 cebola muito picadinha
3 dentes de alho muito picadinhos
salsa
orégano
páprika
pimenta

Misture todos os ingredientes muito bem e leve ao frigorífico, por no mínimo 2 horas. Sirva com pães e tostas (torradinhas).


A receita dos pães eu lhes deixo no próximo post!
Foi um lanche perfeito para um dia de calor tórrido! Nossa, quando o Inverno chegar... vem para arrasar!